TRAGÉDIAS URBANAS - SOLUÇÃO DA CLASSE MÉDIA

Moradores em áreas de risco? - Basta tirá-los dali. Favelas? - Basta tirá-los dali. Mendigos nas ruas? - Basta tirá-los dali. Menores consumindo crack? - Basta tirá-los dali. Prostitutas na calçada? - Basta tirá-las dali. Excesso de carros nas ruas? - Basta tirá-los dali. Sem terra invadindo terras improdutivas? - Basta tirá-los dali. Sem teto invadindo prédios desocupados? Basta tirá-los dali.

E colocá-los onde? Que fazer com eles? Levá-los para as câmaras de gás? Mas isso não é problema da classe média não é mesmo. Isso não querem saber: acham que políticos foram eleitos para isso. Querem que eles façam o serviço sujo e limpem o caminho por onde passam todos os dias.
Os últimos acontecimentos no Rio e em SP mostram que à direita e à esquerda muitos querem a solução simplista da classe media: - Basta tirá-los dali. Mesmo que para isso seja necessário chamar a polícia.
Ou seja: mendigos, sem-teto, sem terra, prostitutas, drogados, todos são caso de polícia.
Não são não. Polícia é para quem precisa de polícia. Eles precisam é de política com P maiúsculo: Política Social, INCLUSÃO. CIDADANIA. Não temos que tirá-los dali. Temos que incluí-los aqui. Não adianta remover favelas e populações pinduradas em morros e serras sem ter uma política de construção de moradias populares. E será que basta? Não...claro que não. Não adianta construir milhões de moradias populares sem ter uma política de emprego para garantir a eles a permanência em suas casas. E será que basta? Não...claro que não. Não adianta criar milhões de empregos sem ter uma política educacional que garanta a todos profissionalização constante, pois a tecnologia anda a passos largos e ninguém está garantido mais que 5 anos no emprego sem especialização constante.
Resumindo: os problemas sociais somente serão resolvidos com uma ampla e completa política de inclusão social, que abrange, moradia com equilíbrio e respeito ao meio ambiente, emprego, educação, saúde, segurança e lazer. Sem isso, todas as políticas públicas são apenas para tapar um buraco e abrir outro.
Uma política de ampla inclusão social tornará as pessoas e o ambiente mais saudáveis, é direito de todos, não só da classe média e dos ricos.
Somos humanos; isso, em suma, é o que somos.
Postar um comentário