GRANDES SÍMIOS A UM PASSO DA EXTINÇÃO

Gorila Oriental (Gorilla Beringei)
Quatro dos seis grandes símios que habitam atualmente o planeta – gorila oriental (Gorilla Beringei) gorila ocidental (Gorilla gorilla) Orangotango de Borneu (Pongo Pigmaeus) e Orangotango de Sumatra (Pongo abelii) – se encontram em perigo crítico de extinção, segundo a última atualização da Lista Vermelha de Espécies, recém publicada no Congresso Mundial da Natureza, que se celebra no Havaí. Está um pouco melhor para outras espécies de grandes símios, o chimpanzé (Pan Troglodytes) e o bonobo (Pan Paniscus) mas ainda assim estão classificados no grupo de em perigo da lista.
Gorila Ocidental (Gorilla Gorilla)

O mais chamativo da última atualização da lista é a classificação de Em Perigo Crítico do maior primata do mundo, o gorila oriental, a causa principal é a caça ilegal.
O gorila oriental sofreu uma drástica redução de sua população, acima de 70% nos últimos 20 anos. A população total desta espécie é estimada em 5000 indivíduos. O gorila oriental da planície, uma das subespécies do gorila oriental já perdeu 77% de sua população desde 1994 passando de 16900 para 3800 em 2015. Lamentavelmente, embora seja proibido  matar ou capturar grandes símios, a caça representa a maior ameaça para o gorila oriental da planície. Outra subespécie do gorila oriental, o gorila da montanha, se encontra em melhor situação. Sua população que é de apenas 880 indivíduos vem aumentando nos últimos anos.
Orangotango de Borneu (Pongo Pigmaeus)

Vivemos uma época em que a cada atualização da lista Vermelha da UICN a crise global de extinção de espécies avança em grande velocidade. Não só os grandes primatas estão em perigo, a lista Vermelha da UICN inclui atualmente 82.954 espécies.
Orangotando de Sumatra (Pongo Abelii)


Postar um comentário